Untitled Document
 
   
Notícias - Divulgue as notícias da sua região Untitled Document Clique Aqui Voltar
 
Produção do Cordeiro do Cariri

Validar modelos de sistemas de produção para terminação (engorda para abate), com o correto manejo alimentar e sanitário, para a obtenção de produtos de carne e pele ovinas com qualidade adequada para a exigência os mercados. Esse tem sido o objetivo do projeto Cordeiro do Cariri, coordenado pela Embrapa Caprinos e Ovinos (Sobral/CE) e que já atua há dois anos no sul do estado do Ceará, com sistemas de produção de cordeiros em confinamento, no município de Campos Sales, e a pasto cultivado, em Farias Brito.

A ideia dos centros é de promover a melhoria da qualidade da matéria-prima e dos produtos ao longo do ano, garantindo uma regularidade da produção - que atualmente ainda é concentrada nos períodos chuvosos - e aumentando a competitividade da cadeia produtiva. Assim, o projeto pretende contribuir na organização da oferta de carne de ovinos para a agroindústria com mais regularidade, qualidade, quantidade e baixos custos. Este é o tema do Prosa Rural desta semana que tem a participação do pesquisador Fernando Henrique Albuquerque e do produtor rural Mônico Fernandes.

Nos centros de terminação, os produtores locais procuram adotar boas práticas para a obtenção de animais padronizados para o abate. Os rebanhos em Campos Sales e Farias Brito são submetidos a manejo sanitário preventivo, com vacinação contra clostridioses e raiva e uso do método FAMACHA para controle de verminoses. Já o manejo nutricional é voltado para a realidade de cada sistema: em Farias Brito, no pasto cultivado, é adotada também a suplementação concentrada. Já no sistema em confinamento, em Campos Sales, será trabalhada a produção de silagem de sorgo para alimentação dos cordeiros. O centro de Campos Sales tem capacidade para 120 cordeiros, o de Farias Brito para 100.

O projeto tem permitido à Embrapa e instituições parceiras introduzir inovações tecnológicas em benefício dos ovinocultores participantes. Além disso, o projeto tem atuado para o fortalecimento das associações de produtores, de modo a garantir melhores estratégias de comercialização e marketing dos produtos e aperfeiçoar a governança da cadeia produtiva. Atualmente, são 27 produtores diretamente envolvidos nos dois municípios.

Com isso, o projeto busca aproveitar o potencial do Cariri cearense, como um pólo promissor para a ovinocultura de corte: a região possui mercado consumidor em crescimento, concentra instituições de pesquisa em Ciências Agrárias e concentra, também, considerável quantidade de fornecedores de insumos. Além da Embrapa, participam do projeto o Sebrae/CE, Banco do Nordeste, Universidade Federal do Ceará, Universidade Regional do Cariri (Urca), Incra, CNPq, Ematerce, Instituto Agropólos, prefeituras de Farias Brito e de Campos Sales e associações de produtores locais.

Saiba mais sobre este assunto ouvindo o Prosa Rural, programa de rádio da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária - Embrapa, vinculada ao Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento. O programa conta com o apoio do Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome.

MP3 - Produção do "Cordeiro do Cariri

Data/Hora: 2011/09/19
Duração: 15'
Responsável: Adilson Nóbrega MTB/CE 01269JP
Email: adilson@cnpc.embrapa.br
Telefone: (88) 3112.7528
Unidade: Embrapa Caprinos e Ovinos 

Adaptada pela Equipe Capril Virtual com informações Embrapa Caprinos e Ovinos (19/09/2011)